Receba conteúdo diretamente no Messenger Podcasts exclusivos, direto no Spotify

5 dicas para lidar com gestão de conflitos no ambiente de trabalho

Algar Telecom | 24 de janeiro de 2020

MGE

Fazer a gestão de conflitos não é uma tarefa fácil. Por mais que você promova inúmeras ações para evitar atritos entre os colaboradores da sua empresa, eles sempre irão existir. Afinal, as pessoas nem sempre têm as mesmas opiniões e não se comportam da mesma maneira.

Discussões são frequentes na rotina de uma empresa. Quem nunca presenciou um conflito por pontos de vista distintos, porque alguém pegou um material emprestado e não devolveu ou até mesmo por causa da temperatura do ar condicionado?

As causas são inúmeras e vão das mais simples às mais complexas. Seja qual for a situação, é importante saber quais atitudes tomar para não piorar o problema. E, claro, para conseguir chegar à melhor solução.

Gestão de conflitos: 5 soluções para você usar na empresa

1. Entenda as causas do conflito

Não tome qualquer atitude e nem faça críticas antes de compreender o que causou o conflito. Sendo assim, a primeira coisa a ser feita é ouvir todos os envolvidos.

A partir disso, você começar a ter uma noção do problema, entende as causas, os diferentes pontos de vista e pode procurar a melhor solução. 

2. Não busque culpados

Apontar o dedo para culpar um ou outro colaborador não leva a lugar nenhum. Afinal, erros acontecem, e no ambiente de trabalho a equipe deve se sentir apoiada — mesmo quando algo dá errado.

No entanto, vale a pena identificar o motivo pelo qual o erro aconteceu. Ou seja, se houve algum tipo de falha na troca de informações, se a equipe foi mal instruída sobre o que deveria ser feito, se faltava alinhamento entre os colaboradores, etc.

3. Deixe os envolvidos se acalmarem

Nas situações mais acaloradas, em que os envolvidos estão estressados, o melhor conselho é fazer uma pausa. Isso porque não há como realizar uma boa gestão de conflitos em meio ao nervosismo.

Deixe claro que não significa adiar a resolução, mas sim buscar uma condição mais propícia ao diálogo saudável. Quando os envolvidos estiverem mais tranquilos, é hora de sentar para conversar.

4. Aposte na boa comunicação

Essa dica de gestão de conflitos é mais preventiva, visando evitar divergências futuras. Ao parar para analisar, você vai perceber que diversos desentendimentos nas empresas são causados por problemas de comunicação.

Portanto, é preciso apostar em boas práticas, bem como em recursos úteis para a troca de informações. Além de reuniões, o uso de tecnologias e de diferentes canais de comunicação é fundamental para uma boa convivência.

5. Estimule a cooperação

Uma organização que instiga a rivalidade entre os colaboradores acaba anulando os esforços da gestão de conflitos. Esse sentimento de disputa é prejudicial ao clima organizacional e gera diversos atritos.

Sendo assim, é preciso estimular a cooperação, mostrando que todos devem se apoiar, pois os objetivos são compartilhados. Dessa maneira, não há motivos para a competição, o que já evita diversos problemas.

O conflito enquanto oportunidade

Uma boa gestão de conflitos deve encará-los como oportunidades de aprendizagem. Isso porque as discordâncias costumam ser cheias de potencial para o desenvolvimento profissional e até mesmo de novas ideias.

A partir dos conflitos, do embate de perspectivas e posições divergentes, é possível estimular a inovação. Portanto, em vez de fugir deles, coloque as dicas apresentadas aqui em prática e saiba usá-los a favor da empresa.

Está enfrentando problemas de comunicação empresarial? Leia o post para conhecer os mais comuns e como resolvê-los!

Posts relacionados:

Para melhorar sua experiência,
selecione um perfil de conteúdo: