TI Algar Telecom | 14 de junho de 2021

Mas afinal, o que é nuvem híbrida?

Tempo de leitura: 5 minutos

A computação em nuvem não é mais nenhuma novidade. Nos últimos anos, inclusive, vimos diversas empresas migrarem suas cargas de trabalho para a nuvem — todas com o objetivo de otimizar seu ambiente de TI. 

Hoje, existem dois modelos principais de implantação: a nuvem pública e a privada. Conforme cada modelo apresenta vantagens e casos de uso distintos, a maioria das organizações usa uma combinação de recursos de ambas arquiteturas.

Basicamente, isso inclui a combinação de recursos de computação privados (data centers e nuvens privadas) aliados a serviços públicos — este é o ambiente que chamamos de nuvem híbrida.

As organizações estão percebendo que precisam de muitos tipos diferentes de serviços em nuvem para atender a uma variedade de necessidades dos clientes. E esse ambiente híbrido as ajuda a fazer exatamente isso.

No artigo de hoje, mostramos o que é e como ela pode ajudar sua empresa! Acompanhe conosco!

O que é a nuvem híbrida?

Ela nada mais é do que uma combinação dos recursos de um ambiente público com um privado. Essa combinação permite à empresa garantir a orquestração necessária para usufruir dos benefícios de cada modelo, para cada momento em que são mais adequados.

O resultado é um ambiente de computação distribuído, unificado e flexível. Dessa forma, uma organização pode executar e escalar suas cargas de trabalho tradicionais ou nativas da nuvem no modelo de computação mais apropriado.

Em suma, utilizar uma arquitetura de nuvem híbrida permite que uma empresa:

  • combine os melhores serviços e funcionalidades de cada nuvem para lidar com suas cargas de trabalho
  • escolha o ambiente de computação em nuvem ideal para cada atividade
  • mova cargas de trabalho livremente conforme suas necessidades internas

Veja mais >> TI híbrida: entenda qual tipo de aplicação deve ir para a nuvem

Benefícios da nuvem híbrida: por que utilizar?

Segundo estimativas da Statista, espera-se que o mercado de nuvem híbrida salte de 52 bilhões de dólares em 2020 para 145 bilhões de dólares em 2026. E é possível imaginar o porquê.

A computação em nuvem híbrida permite que uma empresa implante suas cargas de trabalho mais sensíveis em uma nuvem local e hospede recursos menos críticos em um provedor de nuvem pública terceirizado. Essa abordagem permite que as organizações obtenham o melhor de cada modelo.

Em suma, os principais benefícios incluem o seguinte:

  • Flexibilidade: Na nuvem híbrida os usuários trabalham com vários tipos de dados em ambientes distintos e ajustam sua infraestrutura. Uma empresa pode construir um ambiente que atenda às suas necessidades, usando sistemas tradicionais e também a mais recente tecnologia de nuvem, sem um compromisso total com um único fornecedor.
  • Gestão de custos: Com uma nuvem privada, as organizações possuem e operam a infraestrutura do data center, o que requer despesas de capital significativas e custos fixos. Como alternativa, a nuvem pública oferece recursos e serviços que são contabilizados como despesas variáveis ​​e operacionais. Os usuários da nuvem híbrida podem optar por executar cargas de trabalho em qualquer ambiente que seja mais econômico.
  • Agilidade e escalabilidade: A nuvem híbrida oferece mais opções de recursos por meio de um provedor de nuvem pública em comparação com o data center físico de uma organização. Isso torna mais fácil provisionar, implantar e dimensionar recursos para atender aos picos de demanda.
  • Conformidade: As restrições de conformidade sobre onde os dados podem residir significam que as organizações em setores altamente regulamentados não podem mover todas as cargas de trabalho para um ambiente público. Com a nuvem híbrida, as organizações podem manter os dados em um ambiente privado enquanto operam cargas de trabalho na nuvem, ou podem operar cargas de trabalho em um data center privado e mover dados para a nuvem pública conforme necessário.

Resumindo, uma arquitetura de nuvem híbrida é uma maneira econômica de conectar seus vários sistemas de dados enquanto equilibra suas necessidades.

Embora construir e integrar uma nuvem híbrida seja complexo e possa consumir muito tempo, muitas vezes as recompensas potenciais mais do que compensam a difícil curva de aprendizado.

Para gerenciar os custos e controlar sua arquitetura híbrida, você pode utilizar o Cloud Plus da Algar Telecom! A solução simplifica o gerenciamento dos modelos de nuvem, reduzindo custos e otimizando seus processos. Conheça agora mesmo!

Deixe seu comentário