Receba conteúdo diretamente no Messenger Podcasts exclusivos, direto no Spotify

Auditoria de software: qual a importância para as empresas?

Algar Telecom | 5 de agosto de 2019

MGE

A necessidade de tornar os processos eficientes tem exigido o uso de diferentes tipos de softwares. A contratação e renovação dessas ferramentas são frequentes e devem ser feitas com agilidade para não afetar a rotina corporativa. O problema é que esses processos podem prejudicar a integridade dos recursos e dados empresariais. E a auditoria de software surge como solução para essas situações.

A auditoria de software é um processo de revisão e detalhamento dos recursos utilizados. O procedimento tem o objetivo de garantir que as ferramentas estejam em conformidade com a segurança e integridade do negócio. Veja a seguir porque a auditoria de sistemas é importante e como utilizar em sua empresa.

Por que investir em uma auditoria de software?

A auditoria de sistemas identifica potenciais problemas de segurança, verifica o cumprimento da legislação vigente, confirma se os serviços contratados estão sendo atendidos etc. 

Ao contratar um sistema, a empresa estabelece uma relação de confiança com o fornecedor. Nenhum gestor confere diariamente se os recursos contratados estão sendo atendidos. Da mesma forma, acredita que as atualizações estão sendo feitas conforme o que foi acordado. Porém, casos em que há quebra de confiança e contrato não são esporádicas. 

A falta de integridade não parte apenas dos fornecedores, as empresas também agem de forma ilegal quando compram sistemas ilegais. Nesses casos, o objetivo da empresa é reduzir os seus custos. Há casos também em que a empresa contrata sistemas licenciados e são alvos da pirataria, feita por profissionais maliciosos que copiam e revendem esses recursos. 

Com base nessas e outras situações, a auditoria é extremamente importante, pois identifica violações e orienta os gestores sobre como utilizar os sistemas de forma segura e íntegra. A utilização de sistemas ilegais, por exemplo, pode levar a companhia a sofrer processos e sofrer punições financeiras ou operacionais. 

Como fazer a auditoria?

A auditoria de software é um serviço realizado por empresas terceirizadas. É feito dessa forma para garantir que não haverá nenhum envolvimento entre os profissionais, levando a resultados imprecisos ou duvidosos. Em geral, as empresas de auditoria de software realizam o processo da seguinte forma:

1. Planejamento

O escopo do projeto é definido e informado ao cliente para que possa se preparar para o processo de auditoria. Nesta etapa, a empresa é informada sobre a política de licenciamento e a validade da auditoria.

2. Coleta de dados

A empresa deve apresentar seus servidores aos auditores que vão coletar as informações sobre as configurações do servidor. 

3.  Relatório

Após a coleta de dados, um relatório é apresentado com a descrição de produtos, usuários, comprovação de uso, inconformidades, ações necessárias e recomendadas. 

Nesta etapa, a empresa deve considerar as recomendações apresentadas pelo auditor. É possível que o profissional aponte condutas prejudiciais e como solucioná-las. Essas orientações podem abranger desde questões sistêmicas, até técnicas, como a mudança para data centers mais seguros

Esse componente é fundamental para a instalação e execução de sistemas seguros e estáveis. Por esse motivo, caso a empresa utilize um recurso pouco adequado para a sua necessidade, terá que escolher uma nova solução.

Se a sua empresa passar por essa situação, veja o que considerar ao escolher um data center para o seu negócio

Posts relacionados:

Para melhorar sua experiência,
selecione um perfil de conteúdo: