1. Home
  2. /
  3. Internet
  4. /
  5. Vírus de Computador: 10 mais conhecidos e como evitar? (2022)


Internet Escrito por Algar Telecom | 2 de junho de 2022

Vírus de Computador: 10 mais conhecidos e como evitar? (2022)

Tempo de leitura: 9 minutos
Tempo de leitura: 9 minutos

tipos de vírus: os mais conhecidos e como evitar

Com milhares de tipos de vírus, as ameaças na internet são as principais preocupações para quem faz qualquer tipo de transação on-line.

Para os empreendedores, que armazenam dados seus e de seus clientes, a questão da segurança é ainda mais importante. Qualquer erro ou falha na segurança nesse armazenamento pode trazer sérios prejuízos para a empresa.

Pensando nisso, conheça, agora, os dez tipos de vírus mais comuns na internet e aprenda também como proteger seus dados. Acompanhe!

Baixe grátis nosso Infográfico e saiba como ter conectividade de qualidade na sua empresa!

Leia também:

O que é vírus de computador?

O vírus de computador é um programa ou parte de um código malicioso que é capaz de se autorreplicar e se infiltrar em dispositivos sem o conhecimento ou permissão do usuário.

Enquanto alguns vírus são meramente irritantes, a grande maioria é destrutiva e designada a infectar e controlar os dispositivos.

Eles podem se alastrar por vários computadores e redes ao criar cópias de si mesmos, assim como um vírus biológico que passa de uma pessoa para outra.

Apesar de muitas pessoas utilizarem o termo “vírus” para fazer referência a qualquer tipo de programa perigoso, o vírus é apenas uma categoria de malware, que inclui todos os tipos de códigos criados com o intuito de serem prejudiciais.

Como eles afetam o computador?

Como vimos, existem diversos tipos de vírus que podem infectar um computador e eles têm diferentes tipos de mecanismos de entrega e impactos.

Entretanto, podemos definir os vírus de computador em duas categorias diferentes: aqueles que começam a infectar e se replicar assim que entram na máquina e os que ficam inativos, esperando que o usuário os ative sem querer.

Por isso, os vírus de computador possuem 4 fases inspiradas na classificação dos biólogos do ciclo de vida de um vírus real. São elas:

  • fase dormente: quando o vírus permanece oculto no sistema, aguardando ser ativado sem querer pelo usuário;
  • fase de propagação: quando o vírus começa a se tornar viral, ou seja, quando ele se replica, escondendo cópias de si mesmo em arquivos, programas e outras partes do disco. Esses clones podem ser levemente alterados na tentativa de evitar detecção e também se autorreplicam e criam mais clones que continuam se copiando e assim por diante;
  • fase de ativação: quando uma ação específica aciona e ativa o vírus. Pode ser uma ação do usuário, como clicar em um ícone ou abrir um aplicativo. Contudo, outros vírus são programados para ganhar vida após um período de tempo, como após a reinicialização do computador 10 vezes (uma tática utilizada para ofuscar a origem do vírus);
  • fase de execução: é quando o vírus libera a sua carga, ou seja, o código malicioso que tem como objetivo prejudicar o dispositivo.

10 tipos de vírus de computador mais conhecidos

tipos de vírus de pc mais conhecidos

Quando o assunto é vírus de computador, muita gente se lembra do Cavalo de Troia, mas este é apenas um dos tipos de ameaça que pode danificar suas máquinas. 

Para que você possa se prevenir corretamente, selecionamos abaixo quais são os malwares mais conhecidos e as características principais de cada tipo de vírus de computador.

1. Cavalo de Troia

O Cavalo de Troia (Trojan) é um dos maiores problemas para o computador. Ele não é um vírus propriamente dito, mas abre uma “porta” no computador, deixando todo o sistema vulnerável a outros vírus. 

O maior problema não é o Cavalo de Troia em si, mas a vulnerabilidade do seu sistema com a presença dele.

Esse tipo de vírus se esconde no seu dispositivo, podendo, entre outros danos, decodificar mensagens e descobrir senhas de bancos e redes sociais. Ele é instalado quando fazemos o download de algum arquivo ou abrimos algum link infectado.

Não abrir links desconhecidos e fazer downloads apenas de sites conhecidos e certificados diminuem bastante a chance de ser atacado pelo Trojan.

2. Ransomware: um dos mais comuns tipos de vírus

O ransomware, por sua vez, é um dos piores tipos de vírus de computador circulando pela internet atualmente. 

Através dele, são executados ataques que podem causar grandes prejuízos para as empresas, que vão desde a perda de dados críticos até a valores financeiros.

Outro prejuízo causado pelo ransomware é que, enquanto o ataque estiver sendo executado, o estabelecimento não consegue efetuar suas atividades diárias que dependem do sistema de informática.

Por isso, é fundamental implementar técnicas de prevenção contra esse tipo de ameaça.

Os ataques de ransomware são feitos através de um processo complexo de engenharia social que leva à infecção.

Hackers enviam mensagens para usuários de um sistema corporativo, simulando um conteúdo real e incentivando o download de um arquivo infectado.

Após a abertura do arquivo, o ransomware começa a fazer uma varredura pela rede da empresa, buscando brechas que permitam acesso aos sistemas internos e à dados privados.

Uma vez que essa etapa é concluída, todas as informações disponíveis são criptografadas e o acesso aos dados é completamente bloqueado.

Os hackers entram em contato com a empresa e exigem um pagamento (geralmente em bitcoin) de valor variável para liberar o acesso aos dados.

Caso a empresa tente liberar os dados sem concluir o pagamento, eles podem acionar comandos que podem apagar os arquivos permanentemente.

+ Leia também: Proteção Web Algar Telecom: aumente a produtividade da sua equipe e a segurança do seu negócio

3. Autorun

A infecção pelo Autorun acontece, principalmente, pela conexão de pendrives e HD externos ao seu computador. 

Esse tipo de vírus utiliza um arquivo de instalação automática aparentemente normal, que se instala no computador e infecta todos os outros programas e arquivos.

Com a Transformação Digital e o armazenamento cada vez maior de informações, os dispositivos estão cada vez mais vulneráveis a esse tipo de vírus. 

Para se proteger, além de cuidar do armazenamento de seus dados, ter um cuidado especial ao abrir arquivos desconhecidos também é um caminho. Antes de instalar qualquer arquivo ou programa em seus dispositivos, utilize um antivírus.

4. Kilim

O vírus Kilim é um dos que mais têm trazido prejuízos nos últimos tempos. Ele é capaz de realizar ações remotas dentro de redes sociais e outros aplicativos que estão instalados no dispositivo do usuário.

Com cada vez mais pessoas utilizando o Facebook, por exemplo, esse tipo de vírus se tornou ainda mais comum. 

Nessa rede social, ele é responsável pelo envio de mensagens e até mesmo por curtidas não executadas pelo usuário. As senhas também podem ser acessadas, o que pode dificultar a recuperação da conta.

5. Majava

O Majava infecta a plataforma Java, bastante utilizada para o desenvolvimento da programação de computadores.

Esse vírus pode não só danificar de maneira profunda o sistema, mas, principalmente, ter acesso a todos os dados daquela máquina.

6. Keylogger

Os Keyloggers são softwares maliciosos que têm como principal objetivo interceptar informações que são digitadas pelo usuário em determinado computador.

Ou seja, todas as informações que são digitadas acabam sendo monitoradas, armazenadas e enviadas para terceiros através deste tipo de vírus.

Além de ter informações confidenciais espionadas, esse tipo de vírus torna vulnerável também informações como senhas, logins e e-mails.

A maneira mais eficiente de bloquear a ação de Keyloggers é mantendo antimalwares e softwares antivírus atualizados.

7. Blended Threats

O vírus Blended Threats, também chamado de ameaças compostas, é um tipo de vírus de computador que é uma combinação de vários códigos maliciosos que podem agir como um grande conjunto de vírus simultaneamente.

Esse tipo de malware é capaz de se autorreproduzir, capturar dados e permitir a instalação de outros malwares.

O Blended Threats normalmente é distribuído através de e-mails falsos e pen-drives infectados.

Por conta dessa versatilidade, eles podem infectar um grande conjunto de aparelhos e sistemas operacionais ao mesmo tempo.

8. Spyware

Os spywares, por sua vez, são softwares que possuem como principal objetivo capturar informações de usuários sem que eles tenham conhecimento.

Assim como nos keyloggers, todas as informações obtidas são enviadas para o distribuidor dos arquivos infectados.

De maneira geral, esse vírus rastreia os passos de uma pessoa na internet e modifica o conteúdo de páginas para exibição de publicidade que leva ao download de outros tipos de vírus no computador.

Por isso, essa é uma característica que faz com que os spywares sejam de um nível maior quando comparados aos keyloggers.

Além de capturar informações importantes, como senhas e números de cartão de crédito, os spyware também podem modificar configurações do computador e acionar softwares adicionais.

A distribuição desse tipo de vírus normalmente é feita através de sites falsos, e-mails de SPAM e softwares legítimos, que são modificados e publicados em páginas que simulam sites famosos de distribuição de programas.

9. Worms

Os Worms são um dos tipos de vírus mais perigosos. Por ser também um tipo de malware autorreplicador, ele consegue se instalar no computador e se multiplicar sozinho, explorando vulnerabilidades que encontra na rede.

Além de afetar a máquina no qual se infiltrou, esse tipo de malware tem potencial de se espalhar de um computador para outro, podendo causar prejuízo a sistemas em diversos locais.

Sua propagação pode ocorrer por meio da internet, conexões locais, dispositivos USB, arquivos e mensagens.

O principal objetivo desse programa malicioso é roubar dados de usuários ou de empresas.

10. Adware

Por fim, o adware é um software malicioso facilmente identificado, pois nada mais é do que aqueles anúncios pop-up que aparecem em páginas, ou seja, são publicidades indesejadas.

Existem adwares que tem como objetivo apenas causar incômodo aos usuários, enquanto outros servem para coletar informações e exibir anúncios direcionados.

Como proteger sua rede contra ataques de vírus?

como se proteger do ataque de vírus

Agora que vimos os principais tipos de vírus de computador, confira algumas dicas para se proteger de ataques: 

Instale um antivírus 

O primeiro passo para manter o seu computador protegido contra vírus de computador é instalar um antivírus de qualidade.

Esse programa irá evitar que qualquer arquivo malicioso tente acessar o seu dispositivo e emite notificações sempre que algo suspeito acontecer.

Tenha cuidado com os sites que abrir 

Evite abrir e-mails de remetentes desconhecidos e acessar links suspeitos, pois eles podem acabar infectando o seu computador.

Portanto, tente apenas entrar apenas em sites confiáveis e tenha muita cautela na hora de baixar arquivos de fontes que você desconhece.

Se quiser garantir segurança, baixe o arquivo e solicite que um antivírus faça uma varredura no conteúdo antes de abrir.

Atualize sempre o computador

Por fim, uma dica de ouro para se manter protegido contra os vírus de computador é atualizar o seu dispositivo sempre que necessário.

As atualizações oferecidas pelos sistemas operacionais servem não somente para consertar bugs e outros problemas, mas também para atualizar o sistema de forma a deixar certos tipos de vírus obsoletos.

Portanto, sempre que necessário, faça a atualização do sistema do seu computador.

Como a Algar ajuda as empresas a se protegerem?

Para proteger os dados de sua empresa e de seus clientes, a melhor alternativa é armazenar as informações em um lugar seguro — fora do seu computador. 

A tecnologia Cloud Backup da Algar possibilita o backup e o armazenamento dos dados de forma segura e atualizada constantemente. 

Isso garante que todos os dados da empresa (dos antigos aos atuais) estejam sempre protegidos.

Com essa solução em nuvem, backups de ambientes diferentes podem ser alocados em um único lugar, para armazenamento e consulta. 

O Cloud Backup garante ainda menores custos de manutenção, já que pode ser personalizável de acordo com suas necessidades, e suporte constante para a sua empresa.

Além do Cloud Backup, a Algar oferece ainda outras soluções de segurança para que sua empresa se mantenha protegida contra vírus e outros ataques, como o Proteção Web e a solução SD-WAN Super Seguro, que possui a opção de antivírus de perímetro, antispam de perímetro e sistema de prevenção de intrusão (IPS/IDS), entre outros benefícios para a sua organização.

Conheça o SD-WAN Super Seguro: a melhor forma de ter conectividade de qualidade na sua empresa!

Perguntas Frequentes sobre tipos de vírus de computador

dúvidas frequentes sobre tipos de vírus informáticos

Agora confira algumas perguntas frequentes a respeito dos vírus de computador:

Quais são os tipos de vírus mais comuns?

Os tipos de vírus de computador mais comuns na internet são:

  • Cavalo de Tróia (Trojan Horse);
  • Ransomware;
  • Keylogger;
  • Spyware;
  • Adware;
  • Backdoor.

Qual o vírus mais perigoso do mundo para PC?

Diversas empresas de cibersegurança vem apontando que o vírus de computador mais perigoso do mundo é o Emotet.

Ele se utiliza de e-mails falsos e táticas de worm para usar os computadores infectados para se auto replicar e roubar informações dos seus alvos.

Como evitar a invasão de vírus em seu computador?

A melhor maneira de evitar a invasão de vírus em seu computador é instalando um antivírus no seu aparelho para que ele possa fazer varreduras à procura de programas maliciosos.

Além disso, você pode tomar outras precauções, como sempre manter o seu sistema operacional atualizado e tomar cuidado na hora de clicar em links desconhecidos.

Conclusão

A segurança da informação deve ser uma preocupação urgente dentro das organizações, tanto para prevenção dos dados da própria companhia como também na preservação de informação dos clientes.

E diante de várias possibilidades de ataques de softwares maliciosos não dá para correr o risco de estar desprotegido.

Como visto, as principais formas de reforçar a segurança contra vírus de computador estão nos cuidados diários de prevenção.

É importante manter as máquinas sempre atualizadas, contar com soluções antivírus e ter cautela ao clicar em sites, links desconhecidos e mensagens recebidas de terceiros.

Resumindo, a lista dos mais vírus de computador mais conhecidos são o Cavalo de Troia, Ransomware, Autorun, Kilim, Majava, Keyloggers, Blended Threats, Spyware, Worms e Adware, mas novas ameaças estão sempre surgindo.

Para manter sua empresa segura, você pode contar com as soluções da Algar, a qualquer momento.

Se você gostou de saber mais sobre como se proteger de softwares maliciosos, leia também sobre os 6 erros que sua empresa não pode cometer na segurança de rede!

 

Sobre

Algar Telecom
Algar Telecom
Somos uma empresa do Grupo Algar que atua no setor de Telecom e TI há mais de 60 anos com dois objetivos principais: manter um relacionamento próximo com os nossos clientes e oferecer serviços de alta qualidade. Saiba mais

Deixe seu comentário