Gestão Algar Telecom | 28 de junho de 2021

6 problemas que a falha na comunicação interna pode causar

Tempo de leitura: 5 minutos

Sabia que uma falha na comunicação interna é capaz de afetar a empresa toda? Seja qual for a estrutura do negócio, o alinhamento entre os colaboradores, processos e ferramentas usadas é fundamental.

Quando pensamos em comunicação, geralmente as ideias que vêm à mente estão ligadas às campanhas externas, focadas na construção de uma boa imagem ou nas vendas.

Embora seja uma estratégia importante, sem uma boa comunicação interna fica difícil obter resultados positivos. Afinal, antes de tudo, é preciso colocar a casa em ordem.

Veja a seguir quais são os problemas mais comuns!

Falha na comunicação interna: 6 problemas que podem ser evitados

1. Falta de clareza sobre os processos da empresa

Todo colaborador deveria entender como a empresa funciona, o papel de cada departamento, a função dos profissionais e os procedimentos que devem ser seguidos para fazer o melhor trabalho possível.

Porém, se os funcionários não passam por um treinamento nesse sentido, a falha na comunicação acontece.

Além de afetar o desempenho deles, essa situação pode gerar problemas de convivência por conta do conflito de informações repassadas.

2. Atraso nas entregas

Quando as equipes não estão alinhadas, as atividades vão encontrando obstáculos ao longo do caminho, o que atrapalha o fluxo de trabalho.

Como consequência, geram um problema maior: o atraso nas entregas.

Esse é um exemplo muito claro de como a falha na comunicação interna afeta outras questões. Nesse caso, ainda existe o risco de prejudicar o relacionamento com os clientes.

3. Demora no repasse de informações

Assim como a boa comunicação com clientes depende do uso de ferramentas que facilitem a troca de informações, o mesmo acontece com a comunicação interna.

Toda empresa precisa utilizar os meios mais adequados para que os departamentos possam conversar com agilidade. Afinal, algumas demandas não podem esperar.

4. Falta de feedbacks

A comunicação interna não depende apenas dos canais para fluir bem. Ela também depende de esforços por parte dos profissionais, sobretudo dos gestores, para alinhar expectativas.

Para isso, nada melhor do que apostar em feedbacks frequentes.

É uma prática que ajuda a garantir a qualidade dos resultados e um clima agradável dentro da empresa. Por meio de conversas periódicas, os líderes das equipes precisam tanto reconhecer os sucessos quanto mostrar os pontos de melhoria.

5. Conflitos relacionados à cultura organizacional

Quando bem trabalhada, a cultura organizacional pode ajudar a empresa a atingir os seus objetivos. No entanto, isso depende dos esforços de comunicação interna.

O profissional precisa se identificar com a cultura da organização onde trabalha. Para isso, é preciso haver transparência em relação à visão de mundo da empresa, valores e práticas cultivadas.

6. Insatisfação dos colaboradores

As falhas na comunicação interna também podem fazer os funcionários se sentirem insatisfeitos e desmotivados.

Seja pela ausência de canais, conflito de informações ou processos mal definidos, muitos profissionais acabam não sendo ouvidos. Pior ainda é quando as suas ideias são barradas sem justificativa.

Portanto, a empresa precisa garantir que os colaboradores tenham voz e se sintam parte do negócio. Do contrário, a insatisfação aumenta, afetando não apenas o desempenho como também favorecendo a rotatividade de funcionários.

Já que o assunto é satisfação (ou a falta dela), que tal conversar com os seus clientes sobre isso? Veja como fazer pesquisas de satisfação com o SMS Solution!

Deixe seu comentário