Tendências Algar Telecom | 31 de agosto de 2021

Segurança no home office: como diminuir riscos de invasão em seu computador?

Tempo de leitura: 5 minutos

Enquanto a pandemia fazia milhões de profissionais trabalharem remotamente, os hackers tiravam proveito das brechas dos computadores domésticos e aprimoravam os mecanismos de ataque. Por isso, é fundamental pensar em segurança no home office.

Um estudo da Kaspersky, empresa global de cibersegurança, identificou cerca de 360 mil novos vírus criados por dia em 2020.

A Statista, especializada em dados de mercado e consumidores, detectou 304 milhões de ataques virtuais no mundo, volume 62% superior ao registrado em 2019.

Assim, é muito importante que você conheça as melhores práticas para aumentas a segurança do seu home office.

Por que o home office tornou os ataques mais frequentes?

Normalmente, os profissionais acessam a internet a partir de conexões que não são seguras. Além disso, diversas empresas passaram a transferir seus dados para a nuvem, tornando-se alvos mais expostos à invasão por criminosos virtuais. 

Assim, manter padrões de segurança altos sai caro. Isto faz com que as organizações permitam que seus colaboradores usem a própria conexão e dispositivos, desde que achem essa prática segura e tenham cuidado com suas atividades.

Porém, é preciso ter muito cuidado e atenção para manter a segurança no home office.

Segurança no home office: principais práticas

Há uma série de medidas comuns que os usuários podem adotar para reduzir a chance de serem vítima de golpes. Conheça as principais delas:

Atualize o antivírus

Se não existirem programas já utilizados previamente pela empresa, certifique-se de usar apenas conexões seguras com a internet. Além de dispositivos com um antivírus atualizado e confiável.

É possível encontrar soluções de última geração para computadores, smartphones e até mesmo hardware para Internet das Coisas. Alguns modelos podem ser mais caros, mas valem a pena para manter a sua máquina protegida contra as ameaças.

Proteja o Wi-Fi

A rede doméstica sem fio também precisa de proteção. O processo é bastante simples e pode proteger vocês de possíveis ataques em seus gadgets ou roubo de suas informações pessoais.

O importante é manter modems e roteadores sempre fechados com senhas que não sejam óbvias de se descobrir. Também confirme de que todos os dispositivos conectados estejam atualizados, rodando suas últimas versões.

Use senhas seguras e cuide bem delas

Suas senhas devem ser fortes e exclusivas. Depois de transferir seu trabalho para o home office, é uma boa ideia redefinir e atualizar todos os logins.

Nunca forneça detalhes pessoais, incluindo senhas, para desconhecidos. Os golpes de phishing podem ocorrer por meio de e-mails, mídias sociais, ou até mesmo por ferramentas que você já está acostumado a acessar para trabalhar.

Fique atento com links, downloads e sites desconhecidos

Seu sistema antivírus deve detectar ameaças, mas você também precisa estar atento para não cair em nenhuma armadilha e manter a segurança no home office.

Não abra e-mails de estranhos nem siga links ou faça download de arquivos suspeitos. Desconfie de sites que pedem por confirmações de dados cadastrais por e-mail. Instituições financeiras só fazem isso em contato pessoal na agência.

Se sua empresa ou provedor de acesso à internet precisa contar com uma conexão de qualidade, que te proteja de possíveis riscos e instabilidades, a Algar Telecom disponibiliza links dedicados.

Além de conectividade com banda 100% garantida, altíssimas velocidades de transmissão de dados, tráfego ilimitado, grande estabilidade e elevados níveis de segurança.

Deixe seu comentário