Artigos Algar Telecom | 10 de novembro de 2015

ProAC: projeto da Algar Telecom promove ações culturais em escolas

Tempo de leitura: 5 minutos

Um dos pilares da Algar Telecom é a cultura, por isso, ela presa por iniciativas socioculturais que levem aos municípios de sua atuação mais oportunidade de aprendizado e vivência cultural. Por isso, a empresa criou o ProAC ou Programa de Ação Cultural, que tem como objetivo ampliar as referências culturais, levando, em parceria com instituições locais de cada cidade, concertos musicais para crianças de escolas da rede municipal de educação. As primeiras cidades contempladas foram Matão, São José do Rio Preto, Bauru e São Carlos.

As apresentações trarão do concerto infanto-juvenil “Miniaturas de Tchaikovsky”, um espetáculo que reúne música, teatro, balé, literatura e história, promovido pela Academia Livre de Música e Artes. O projeto tem três elementos que reforçam seu lado pedagógico: narrador, que discorre a sequência de acontecimentos do dia dos personagens; bailarinos, que fazem intervenções de balé clássico durante o conto e solos, que traz instrumentos musicais participando da apresentação de formas variadas.

Leia também: 7 PODCASTS SOBRE EMPREENDEDORISMO E NEGÓCIOS

A primeira visita foi no dia 06 de outubro, em Matão, no SOREMA (Sociedade Recreativa Matonense). As próximas apresentações estão previstas para São José do Rio Preto (no dia 20 de outubro – Teatro Municipal Paulo Moura), Bauru (no dia 23 de outubro – Teatro da Instituição Toledo de Ensino) e São Carlos (no dia 17 de novembro – Teatro Municipal de São Carlos).

O diretor de relacionamento com o mercado da Algar Telecom, Erly Henrique Silva, destaca a importância do projeto para o público. “O lúdico traz uma interação diferente com o meio cultural, dando a oportunidade do indivíduo tornar-se ativo, construir estruturas mentais, explorar o ambiente, ter autonomia própria, e ser capaz de superar desafios para conquistar seu espaço”. Além das crianças, os concertos também podem ser assistidos pelos clientes corporativos da empresa, como forma de estreitar os relacionamentos.

Por: Maria Tereza Borges

empresas

Deixe seu comentário