Receba conteúdo diretamente no Messenger Podcasts exclusivos, direto no Spotify

Como manter a produtividade em home office

Algar Telecom | 2 de março de 2016

O home office é uma tendência que cresce a cada dia mais. Com o avanço da mobilidade e até mesmo as dificuldades de locomoção em grandes cidades, a opção de trabalhar em um local alternativo ao escritório é vista de forma promissora por muitos profissionais e, até mesmo, pelas empresas. Mesmo parecendo uma opção perfeita, há muitos desafios para quem decide fazer home office e um dos maiores é continuar a ser produtivo, organizado e atento às atividades rotineiras.

Nessas horas, é ideal buscar dicas de especialistas ou ferramentas úteis para ajudar nesse processo. A especialista Jacqueline Whitmore, autora de livros sobre empreendedorismo, é uma das pessoas indicadas para essa tarefa: ela elaborou e publicou uma lista com atitudes básicas para melhorar a produtividade e manter o foco nesse sistema de trabalho, tais como estabelecer horários semelhantes ao cotidiano no escritório, escolher um lugar tranquilo para trabalhar e sem muitas distrações, verificar as condições de internet e telefone e, claro, avisar às pessoas do seu convívio sobre a situação.

Além de preparar um bom ambiente e manter uma boa postura, é preciso entender claramente alguns fatores que envolvem o home office, tais como:

– total mobilidade do trabalho, ou seja, você não necessariamente precisa estar em casa, pode ser um shopping, um café ou qualquer outro lugar.

– as regras variam de acordo com o tipo de profissional: se você é empreendedor, pode estabelecer seu próprio sistema e se é funcionário, precisa seguir o processo da empresa, além de conciliar tudo com a vida pessoal.

– não significa que você trabalhará menos, pelo contrário, em casa, você pode ser muito mais produtivo e, por isso, mais tarefas podem ser demandadas.

– não necessariamente você ficará em casa o tempo todo, haverá dias em que terá de ir à empresa, ou, no caso de empreendedores, de visitar seus parceiros.

Além de ser uma estratégia boa para os profissionais, montar um esquema de home office pode ser também uma boa alternativa para as empresas. Quando se estabelece um sistema flexível, que abre espaço para que os colaboradores trabalhem de casa, eles podem se sentir mais motivados e, assim, serem mais produtivos. Se você pensa nessa alternativa, estabeleça algumas regras básicas e gerais, como: frequência, para que cada um possa trabalhar um dia de casa ou um sistema metas como incentivo para ganhar o direito de ficar em casa.

Para os profissionais que já adotaram o home office e precisam de ajuda na organização das atividades e da rotina, existem algumas ferramentas sob medida. Conheça algumas delas:

Basecamp – útil para quem trabalha com uma equipe, o aplicativo compartilha arquivos, define prazos, atribui tarefas e centraliza feedbacks.

Neotriad – planeja e gerencia o tempo e as tarefas estabelecendo prioridades para você e sua equipe.

Remember the Milkespecializado em listas, gerencia e organiza a rotina, os compromissos e as anotações pessoais.

Togglfaz o controle das horas trabalhadas e permite analisar quais tarefas estão tomando mais tempo.

Zero Papertorna a gestão financeira mais simples, permitindo gerenciar contas a pagar e a receber e extrair relatórios.

Mindmeistercria mapas mentais para organizar as ideias, para uma pessoa ou uma equipe em brainstorming.

Pocketpermite salvar textos, artigos e vídeos para ler depois e de qualquer lugar.

RescueTimecalcula quanto tempo é gasto em cada site, buscando mais produtividade e equilíbrio entre vida e trabalho.

Posts relacionados:

Para melhorar sua experiência,
selecione um perfil de conteúdo: