Receba conteúdo diretamente no Messenger Podcasts exclusivos, direto no Spotify
Tempo de leitura: 6 min

Boletim de Notícias – Março

Algar Telecom | 8 de março de 2019

MGE

Ficar por dentro dos principais assuntos do mercado é crucial para os empresários e gestores de organizações. Por isso, trazemos as notícias de mais destaque em março, para que você fique sempre conectado com o que acontece no mundo, relacionado à tecnologia, indústria, economia e comércio.

1. Destaques da tecnologia

  • A terceira idade cada vez mais conectada à internet

De acordo com uma pesquisa realizada em 2016 pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o número de pessoas acima de 50 anos conectadas à internet saltou de 7,3% para 14,9% em dez anos. Com essa demanda, escolas tem se especializado no ensino de novas tecnologias para a melhor idade, com foco em redes sociais e pacote office. A inclusão digital dos idosos é importante, não apenas pela melhor interação social, mas também por trazer benefícios para o cérebro e memória, e ainda ajudar com doenças, como a depressão.
Fonte: belohorizonte.com

  • Conheça o robô advogado que interpreta leis

O primeiro robô-advogado foi criado por uma startup canadense, por meio do Watson, ferramenta da IBM  de inteligência artificial. Ele reconhece a voz humana, rastreia mais de 10 mil páginas por segundo e formula respostas muito rapidamente. Quanto mais perguntas são feitas, maior é a sua capacidade de respostas, já que alimenta o seu banco de dados. Com novos investimentos, o Ross, como é chamado o robô, consegue rastrear em tempo real os resultados de julgamentos, para notificar os advogados sobre mudanças nos processos e impactos nos clientes.
Fonte: Época Negócios

  • Tecnologia para bebês: de fraldas a mamadeiras inteligentes

A necessidade dos pais de acompanhar a saúde de seus filhos de perto fez algumas empresas desenvolverem tecnologias ”wearables” para crianças, como peças de roupa e acessórios inteligentes. A finalidade deles é trazer dados sobre a saúde dos bebês, como frequência cardíaca e nível de oxigênio, por exemplo. Assim, os pais podem trabalhar e participar de seus compromissos despreocupados, monitorando os dados de seus filhos pelo celular. Embora este setor seja relativamente novo e pouco estudado, os analistas da empresa de pesquisa de Mercado Hexa afirmam que o segmento de monitoramento de bebês deve crescer de US$ 929 milhões em 2016 para US$ 1,63 bilhão até 2025.
Fonte: BBC 

2. Destaques da Indústria

  • Cientistas descobrem formas de transformar plástico descartado em combustível

O plástico é um dos materiais mais utilizados para embalagens e causa diversos transtornos para o meio ambiente. Muitas iniciativas foram desenvolvidas para reduzir o consumo do material, mas o número ainda continua grande. Por isso, um grupo de cientistas descobriu uma forma de transformar o plástico utilizado em combustível para automóveis. Eles constataram ser possível fazer isso com um plástico em específico, o polipropileno. Para transformá-lo, é preciso jogá-lo em água supercrítica – um estado em que, elevada a temperatura e pressão acima de seu ponto de transformação, a água alterna entre os estados líquido gasoso. A reação gera como subproduto um óleo semelhante a gasolina e diesel.
Fonte: Época Negócios

  • Realidade aumentada permite rápida tomada de decisão na indústria

A realidade aumentada traz várias possibilidades para a indústria, como a visualização de modelos 3D inteligentes de forma fiel à realidade, o que aumenta a velocidade de decisão de engenheiros e operadores. Além disso, possibilita mostrar aos clientes modelos fiéis de plantas, antes mesmo da construção ser iniciada, aumentando as chances de venda de produtos na fase de planejamento.
Fonte: Inforchannel

  • Indústria 4.0 deve criar 30 novas profissões nos próximos anos

Novas profissões são criadas todos os dias, e com o avanço da tecnologia na indústria, o setor também se beneficia. Entre as novas profissões que podem ser desenvolvidas, estão o técnico em informática veicular, operador de high speed machine, técnico especialista no desenvolvimento de produtos poliméricos, entre outros. A indústria 4.0 é marcada pela integração do mundo físico e virtual, e abrange áreas da internet das coisas, big data e inteligência artificial.
Fonte: G1

3. Destaques da economia

  • Confiança dos micro e pequenos empresários cresce

Um levantamento feito pelo CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas) e o SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito) mostra que os micro e pequenos empresários estão mais otimistas com a economia neste ano. Essa confiança pode desencadear no encorajamentos dos empresários a investirem e assim, iniciar um ciclo virtuoso para a economia. O indicador de confiança atingiu, em janeiro deste ano, 65,7 pontos, o maior número desde maio de 2015.
Fonte: Época Negócios

  • Empresas que usam energia renovável podem ter redução de impostos

O governo do Espírito Santo estuda uma forma de beneficiar empresas que consomem até cinco megawatts por mês, com redução da tributação. Para que essa redução de tributos seja adotada, é preciso que o Conselho Nacional de Política Fazendária aprove a proposta. Ainda não há prazos ou detalhes de como a política deve funcionar. A intenção é, também, transformar a residência oficial do governador em uma unidade modelo de produção de energias renováveis.
Fonte: Gazeta Online

  • Varejo e Indústria fizeram a economia crescer em 2018

A economia passou por diversas turbulências no ano de 2018, entre elas a instabilidade política e efeitos da greve dos caminhoneiros. Por isso, foi um ano que se tornou desafiador para alguns segmentos, como o setor de serviços, que recuou 0,1%. Porém, para o varejo e indústria, o ano encerrou positivamente, com aumento de 2,3%  e 1,1% respectivamente. Esses dados foram puxados pelos supermercados e o segmento de veículos automotores, reboques e carrocerias.
Fonte: CDL POA

4. Destaques do comércio

  • Dia do consumidor: moda, acessórios, eletrônicos e beleza são as categorias mais procuradas

O dia do consumidor é uma das datas mais quentes para as vendas no comércio no primeiro semestre do ano, e é frequentemente comparado com a black friday no volume de vendas. Um estudo mostrou que 43,5% dos respondentes já estão a procura de ofertas do dia do consumidor, e as categorias mais pretendidas são Moda e acessórios, eletrônicos e beleza e saúde. Os consumidores planejam gastar, em média, R$200,00 em compras nesta data.
Fonte: E-commerce Brasil 

  • Ofertas geolocalizadas são o futuro do marketing de varejo

As empresas estão, cada vez mais, desenvolvendo ofertas de acordo com a geolocalização dos clientes, a fim de proporcionar uma experiência mais segmentada e assertiva. A coleta de dados com consentimento do usuário é uma forma benéfica de fornecer melhores ofertas, evitar intervenções negativas de marketing e entender os hábitos de consumo, já que, segundo uma pesquisa da Epsilon Research, 80% dos consumidores estão mais propensos a fazer negócios com empresas que entregam experiências personalizadas.
Fonte: Portal no Varejo

  • Comércio por voz é o futuro das compras dos consumidores

A facilidade em realizar pesquisas por voz nos dispositivos traciona também as buscas por produtos e serviços, e as empresas já estão se adequando para serem encontrados pelos motores de busca. Além disso, com um ”pin de voz”, tecnologia similar aos pins de dispositivos móveis, os dispositivos poderão falar uma única palavra para realizar os pagamentos, proporcionando mais segurança aos usuários.
Fonte: Portal no Varejo

O que achou das notícias de destaque deste mês? Conte para a gente nos comentários.

 

 

Posts relacionados:

Para melhorar sua experiência,
selecione um perfil de conteúdo: