Receba conteúdo diretamente no Messenger Podcasts exclusivos, direto no Spotify

Como a Internet das Coisas pode ser útil para sua MPE

Algar Telecom | 5 de setembro de 2016

Imagine a seguinte situação: você acordou, está atrasado para o trabalho e deseja tomar um café rapidamente mas, ao abrir o armário, percebe que o pó de café está prestes a acabar. Se a sua cafeteira estivesse conectada por um chip a uma rede de informações, ela poderia enviar uma mensagem ao mercado mais próximo, que entregaria novas caixas de café em sua casa, evitando a frustração de ficar sem o seu cafezinho.

O objetivo da Internet das Coisas (IoT – Internet of Things) é desenvolver sistemas e ferramentas que criam inteligência nos objetos para que eles possam conversar entre si e facilitar a vida do consumidor. E é aí que existe uma oportunidade para as pequenas e médias empresas. Para fidelizar de verdade um consumidor hoje é necessário personalizar o atendimento e é isso que a Internet das Coisas pode fazer. O empreendedor que conseguir criar oportunidades com IoT voltadas para os consumidores certamente sairá na frente.

Existem diversas aplicações da Internet das Coisas nas MPEs, tais como:

Manutenção de Produtos: Se uma máquina quebra enquanto está sendo utilizada, o dano financeiro pode ser bem alto, incluindo o custo do envio de técnicos para reparos emergenciais, assim como a perda de confiança do consumidor e possíveis penalidades por atraso na entrega. As próprias máquinas, ao sentirem vibrações ou indicações de calor que possam apontar potenciais problemas nos equipamentos, podem notificar os técnicos, que serão enviados para prevenir a falha no equipamento.

Venda de Produtos: Monitorando a condição e o uso de componentes conectados, MPEs podem prever quando consumidores precisarão de peças de substituição e garantir que tenham os produtos certos disponíveis no inventário. Vendas proativas de partes de reposição podem também prevenir perda de receita para outros vendedores.

Logística: Sensores em grandes contêineres de entrega podem receber dados em tempo real sobre onde está um pacote, qual a frequência de manuseio e qual sua condição. Ao conectar essa informação com o sistema de gerenciamento do depósito, empresas podem aumentar sua eficiência, acelerar o tempo de entrega e melhorar o atendimento ao consumidor.

Essas são apenas algumas das aplicações da IoT e os custos não precisam ser uma preocupação. Com o advento do Cloud, o custo da computação cai muito. Hoje não é necessário ter o seu próprio data center, é possível compartilhá-lo, logo, o preço é muito menor. Atualmente, o empreendedor pode estar onde quiser e contar com tecnologias que grandes empresas utilizam. Ou seja, as MPEs também têm acesso às tecnologias de ponta, com valores adequados ao seu tamanho.

Posts relacionados:

Para melhorar sua experiência,
selecione um perfil de conteúdo: