Consultor Especializado mais perto da sua empresa> Sou de Média e Grande Empresa Sou de Micro e Pequena Empresa

Para melhorar sua experiência, selecione um perfil de conteúdo:

26/jan
Cristina Cruz

Repassar a uma empresa especializada a gestão e o controle dos sistemas ligados à Tecnologia da Informação tem se mostrado extremamente vantajoso para as organizações. Afinal de contas, o processo traz vantagens competitivas longe de serem triviais, como redução de custos com pessoal, minimização dos gastos com infraestrutura, foco no negócio e maior qualidade da gestão de tecnologia.

Para se ter uma ideia de como essa estratégia realmente é uma tendência, um levantamento feito pelo IDC mostrou que o mercado brasileiro de serviços de TI movimentou cerca de 27 bilhões de reais em 2012, dos quais 12 bilhões foram oriundos do outsourcing em TI. Segundo a consultoria, enquanto a estimativa de crescimento do mercado total da área deve circular em torno de 7% a 8% ao ano até 2017, o de outsourcing atingirá mais de 10%! Não dá para simplesmente ignorar essa estatística, concorda?

Assim, se sua empresa por acaso ainda insiste em manter uma posição conservadora, com centralização excessiva de atividades, a recomendação é prestar atenção ao conteúdo deste artigo. Pronto para mudar seus resultados por meio das mudanças de ações?

Evolução

Se você sempre se manteve resistente ou mesmo alheio aos benefícios do outsourcing de TI, vamos, primeiramente, deixar claro como esse processo funciona. Até o final da década de 1990 e início dos anos 2000, os departamentos internos de TI possuíam desafios mais simples em relação ao suprimento de demandas das organizações. O suporte técnico era de baixa complexidade, o desenvolvimento de softwares exigia pequena capacidade de integração e, no mais, era preciso fazer diversos cadastramentos de dados nos sistemas. Nessa época, era mais que possível ter controle e ser eficiente centralizando a TI dentro dos muros da empresa.

Atualmente, entretanto, a complexidade crescente do cenário econômico das empresas, a alta tecnologia envolvida em procedimentos internos totalmente digitalizados, a necessidade de integração plena de processos e de trazer para a dinâmica da organização novas tecnologias (como o Big Data e o gerenciamento de dados em nuvem) fazem com que muitas empresas não consigam mais dar conta de prover serviços de tecnologia com a mesma excelência. Problemas recorrentes de indisponibilidade, desatualização de sistemas e recursos, altos custos com equipamentos e baixa performance explicam por que as empresas têm desistido do chamado insourcing.

Necessidade

É por isso que tornou-se recomendável a terceirização dos serviços de TI, principalmente para as empresas em crescimento, independentemente do porte ou área de atuação, que já não conseguem mais lidar com os altos custos de manutenção de uma infraestrutura própria de TI. O outsourcing também se mostra valioso para as organizações que percebem que estão perdendo força competitiva e negligenciando o foco no core business por terem que lidar com atividades secundárias, como a gestão da TI. Se sua empresa se encaixa em uma dessas duas possibilidades, ainda há tempo de enxugar sua estrutura, dando mais dinamismo e flexibilidade a custos menores.

Funcionamento

Uma empresa especialista em outsourcing e gestão da infraestrutura de TI será responsável por prover soluções completas para Data Center, Service Desk, monitoramento de redes, gestão da segurança digital e, em muitos casos, até provisão de softwares e hardwares no modeloEverything as a Service (SaaS, IaaS, PaaS e assim por diante), empregando metodologias baseadas nas melhores práticas de ITIL e em um rígido Acordo de Nível de Serviço (SLA).

Uma empresa que queira implementar esse tipo de serviço de outsourcing deve observar alguns fatores, como:

Proteção a funções estratégicas

Atenção! Desde já, pense no outsourcing como algo extremamente útil, mas para administrar questões secundárias à sua organização, não seu core business. A Apple, por exemplo, gerencia internamente todo o trabalho de design e desenvolvimento de produtos, deixando questões operacionais (algumas inclusive ligadas à TI) sob a responsabilidade de especialistas externos.

Parceiros com know-how no mercado

Assim como na escolha de praticamente qualquer fornecedor, o sucesso do outsourcing na Tecnologia da Informação em seu negócio depende da qualidade do parceiro escolhido. Por isso, dê preferência aos líderes de mercado!

Ajuda indispensável das métricas

Como não se gerencia aquilo que não se mede, é fundamental definir e acompanhar métricas. Por isso, para dimensionar o ROI advindo da entrega de sua TI a um especialista, é preciso monitorar de perto indicadores como nível de desempenho, número de incidentes, tempos de ciclos de desenvolvimento, taxa de disponibilidade e o que mais você considerar importante.

Vantagens

Agora vamos ao que mais interessa: os benefícios do serviço! Confira as principais vantagens proporcionadas pelo investimento no outsourcing de TI:

Controle de custos

Manter uma equipe inteira de programadores, analistas de sistemas, especialistas em rede e arquitetura de TI tem um custo alto. Coloque esses gastos no papel e descobrirá que uma parte significativa do seu faturamento está sendo consumido por despesas que poderiam ser evitadas. A simples contratação de uma equipe de TI envolve custos trabalhistas, previdenciários, com treinamento e planos de saúde, além de impostos diretos e indiretos. Com o outsourcing, você reduz boa parte disso.

Foco no cliente

Deixe de perder tempo tentando fazer aquilo que não é sua especialidade e centralize suas energias no que você faz de melhor. Já parou para pensar que a competitividade extrema do mercado atual exige perfeição em todos os setores? O outsourcing permite que sua empresa se fixe em suas competências essenciais, enquanto a contratada se ​​concentra em prover o melhor do universo da TI à organização.

Acesso a recursos

No mundo moderno, o novo de hoje facilmente se torna peça de museu amanhã, certo? E nesse ritmo frenético de lançamentos e recursos que ficam para trás, é difícil para uma empresa estar sempre municiada com o que há de mais novo em relação à infraestrutura de TI. Já um expert em TI tem nisso sua razão de existir, garantindo que sua empresa esteja sempre com o que há de melhor no mercado.

Modelo as a Service

A redução de custos no uso de soluções de TI sob demanda, por meio de contratação mensal, é inegável, o que certamente faz uma enorme diferença no lucro líquido mensal das empresas modernas.

Especialização no topo

Em geral, as melhores empresas de serviços de TI do mercado exigem que sua equipe seja devidamente qualificada e tenha certificações específicas, o que assegura o provimento de uma prestação de serviço de excelência.

Redução dos riscos

Optando pelo outsourcing, os riscos na implementação de qualquer projeto de TI fica integralmente a cargo da empresa contratada, o que tira um peso enorme das costas tanto dos gestores como dos colaboradores.

Sinais

Os gastos com pessoal estão impactando em excesso os resultados financeiros da empresa? O desempenho dos sistemas está deixando a desejar? A segurança de TI não contempla as tecnologias e o monitoramento adequados às novas ameaças? O custo operacional do departamento computacional está acima dos limites aceitáveis, fazendo com que sua empresa precise enxugar despesas? Se sua organização passa por ao menos uma dessas situações, pode ter certeza de que o outsourcing de TI será muito vantajoso. Para adotá-lo, basta entrar em contato com um especialista no setor, que se encarregará de elaborar um plano específico às peculiaridades do seu negócio.

E então, ficou interessado em descobrir, na prática, as vantagens que sua organização teria ao descentralizar as atividades de Tecnologia da Informação? Entre em contato conosco!

Por: Equipe de Conteúdo Algar Telecom

Deixe seu comentário